Os oito piores lugares para se roubar idéia para um filme

Marlon Brando em O Poderoso Chefão

Idéias para roteiros de filmes surgem dos mais diversos lugares, desde “conversas de bar” até poemas. Pinturas, fotografias, livros, eventos políticos, personagens famosos, notícias, ou a mente doentia de um diretor podem ser boas inspirações para um filme. às vezes a idéia é ótima, mas o filme não chega lá. Outras, a fonte nem é tão boa, porém, o filme é deslumbrante.

A Cracked fez uma lista com Os oito piores lugares para se roubar idéias para um filme. A lista inclui: livros, filmes de outros países, quadrinhos e graphic novels, vida real, filmes antigos, programas de TV, brinquedos e videogames.

Ao terminar de citar, imagino que haja pessoas iradas, querendo apontar ótimos filmes baseados nessas fontes. E há, sem sombra de dúvida, centenas, milhares talvez. E é por isso mesmo que o post vale a pena ser lido: ele lista pontos positivos e negativos em cada caso, citando diversos filmes para comprovar essas teorias e destaques.

A parte mais divertida talvez sejam os sub-gêneros, citando filmes e as razões dessas variantes, que passam por filmes para ver ao invés de ler o livro para escola, que funciona por aqui também, até filmes que emprestam a estética dos quadrinhos, como primeiro passo para serem aclamados pela crítica. (via SF Signal)

About Bibi